Novidades: Fluig 1.6

Uma das grandes mudanças que houve do Fluig 1.5 para versão 1.6 foi a alteração do Middleware de base. Em uma linguagem mais simples o Middleware é a arquitetura de um sistema geral que faz a entrega final para uma determinada aplicação.

O Middleware que o Fluig 1.5 trabalha é o Jboss AS 6, ele tem a função de prover agilidade na entrega de aplicações, pois ele fornece funções para o time de desenvolvimento no momento da engenharia de software.

Algumas das várias funcionalidades que o Jboss entrega, são:

  • Integração com LDAP
  • Datasource de comunicação com o banco de dados
  • Multi modelos de processamento Multithreadinge e single thread
  • Serviços de mensageria
  • API para disponibilizar integração.

Com o lançamento do Fluig 1.6 houve duas mudanças importantes, a primeira foi a saída do Jboss AS 6 para entrada do Wildfly 10.

O Wildfly é a continuidade do projeto open source do Jboss AS em meados do ano de 2008 a Red Hat detentora do JBoos EAP (Versão doo Middleware privada da empresa) fez uma campanha para alteração do nome do Middleware Jboss AS para Wildfly para simplificar o entendimento de qual Middleware é o open source e qual é o privado, assim como o Linux CentOS e o Red Hat Linux.

Com esta evolução no Fluig 1.6 a arquitetura de trabalho do Middleware foi alterada do modo de trabalho standalone para o modo domain. Com isso, possibilita a aplicação futuramente trabalhar com automatização do cluster, ou seja, no momento de um deploy dentro o Wildfly ele pode replicar o arquivo para todos os nodes do cluster da aplicação. Vale ressaltar que a aplicação tem que ter a capacidade de trabalhar com este formato. Hoje o “cluster” do Fluig trabalha no formato shared volumes (shared storage) mas este assunto é para outra hora.

Após a vinda do Wildfly 10 a segunda grande mudança foi a evolução do Java, que passou da versão Java 6 para versão Java8. Evoluindo o motor da JVM que existe dentro do Middleware.

Houve um grande ganho na parte de segurança devido as correções do JDK serem atualizadas e a velocidade da aplicação acabou sendo aumentada devido nível de execução do Java 8 ser mais performático.

Deixe uma resposta